fbpx
Logotipo Seja Indenizado

21 de agosto de 2019

Perdeu seu voo? 4 dicas para remarcar seu voo sem pagar nada.

Não se desespere, sua passagem continua válida.

Quem nunca? Se atrasar é normal, ainda mais nos dias corridos que vivemos. Trânsito, trabalho, família, tudo conspira contra quando temos hora marcada. Se você perdeu o seu voo, não fique desesperado! Tem solução.

Para os ansiosos, já adiantamos. Fizemos um modelo de notificação para você enviar para a companhia aérea caso ela não cumpra os deveres legais e te cobre multa abusiva pelo “no show” (penalidade para quem não comparce no dia marcado para a viagem).

Mais uma vez, o Código Aeronáutico, resolução 400/2016 da ANAC e o Código Civil nos ajudam. Estes diplomas legais dizem que a passagem é válida por um ano após a compra! E ainda, essa regra vale para qualquer passagem, inclusive as tarifas promocionais, conforme explicamos nesse artigo.

Ué? Mas quando isto ocorreu comigo a companhia aérea disse que eu precisaria comprar uma nova passagem! Infelizmente elas fazem isto, pois poucas pessoas sabem seus direitos. O que elas podem fazer é cobrar uma multa de no máximo 15% sobre o valor da passagem para remarcar a sua antiga, ainda podem cobrar a diferença de tarifa.

Os advogados cadastrados em nossa plataforma resolveram um caso de um cliente que perdeu seu voo e teve a remarcação de passagem negada. Assim, como ele não tinha dinheiro para comprar uma nova, precisou ficar na cidade durante mais um dia, de modo que gastou hotel, transporte, alimentação, e pior, perdeu diversas reuniões estratégicas, que culminaram na perda de um cliente.

Com uma bela argumentação jurídica os advogados conseguiram o reembolso dos valores gastos e ainda danos morais pelo transtorno causado.

Além disso, caso você de fato não voe, peça o reembolso da taxa de embarque, que custa por volta de R$ 50 em voos nacionais e R$ 80 em internacionais. Ela só pode ser cobrada se você, de verdade, voar e utilizar os serviços aeroportuários.

Isto aconteceu com você? Conhece alguém que passou por essa situação e teve que pagar uma taxa abusiva ou comprar uma passagem? Entre em contato conosco e encontre um advogado para te ajudar 😉

4 dicas para obter o reembolso sem multas:

Vamos ao que importa! Dicas úteis e sem enrolação para vocês. Se a companhias aéreas ou agências de viagem te negarem o reembolso (e vão negar), façam o seguinte:

1 – Faça reclamações no Consumidor.gov e no Reclame Aqui;

2 – Envie uma notificação para a companhia aérea ou agência de viagem. Receba um modelo feito por nós através do link abaixo.

3 – Tente uma conciliação pelo Sem Processo ou Juspro;

4 – Entre em nossa plataforma e converse com um advogado que irá te ajudar a defender seus direitos.



Comente aqui!

Nenhum comentário feito ainda 😞
Seja o primeiro a comentar!